Pequenos agricultores contam com incentivos para produção orgânica em Colombo

WebMaster 17 de julho de 2017

 Agricultura Familiar vem investindo na produção orgânica; Pensando nisso, o município oferece incentivo aos produtores que vão desde a assistência técnica, comercialização e subsídios para a infraestrutura

A Prefeitura de Colombo por meio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento disponibiliza aos pequenos agricultores incentivos para as famílias que investem na produção orgânica em Colombo.  A iniciativa visa, além de estimular e diversificar o potencial agrícola da região, com alimentos livres de agrotóxicos, – incluir estes produtos oriundos da agricultura orgânica, na alimentação escolar, em entidades assistências e no comércio local.

Segundo o secretário da pasta, Marcio Toniolo, o município de Colombo vem desenvolvendo Programas de incentivos e subsídios para os pequenos produtores orgânicos. “Por meio, de grupos e cooperativas ou associações de nossa região. O intuito é fazer com que a acessibilidade dos produtos orgânicos chegue à mesa da população de uma forma mais barata, com preço acessível e com qualidade”, destaca Toniolo.

A Prefeitura também desenvolve um trabalho de orientação aos produtores, em parceria com a Emater (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural). “Fornecemos assistência técnica aos grupos formados de produtores orgânicos. Hoje, contamos com aproximadamente 30 agricultores e a maioria certificados pela Ecovida”, afirma o secretário.

 

Além de subsídios para auxiliar os produtores na preparação do solo e conservação de estradas na área rural do município. “Também disponibilizamos subsídio em fruticultura e prioridades nos programas de compras diretas como o Programa de Aquisição de Alimento (PAA) do Governo Federal e Estadual”, explica Toniolo.

 

A maioria da produção da agricultura familiar chega à população por meio das feiras e na merenda escolar, para às crianças da rede municipal de ensino. “Atualmente, grande parte da produção é comercializada individualmente tanto na propriedade quanto em feiras e supermercados. Mais de 40 entidades assistenciais também são atendidas dentro do programa PAA. São 87 produtores cadastrados, sendo 12 orgânicos – atendendo aproximadamente 20% das entidades do município”, conta o secretário.

Vale lembrar, que um Edital de chamamento público será lançado no segundo semestre desse ano. De acordo com o levantamento divulgado pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento, os bairros atendidos primeiramente serão Maracanã, Guaraituba e Osasco. “As feiras deverão acontecer durante a tarde e no período noturno, com preço único – acessível a toda população”, enfatiza Toniolo.

Mais informações sobre o trabalho da prefeitura em:
FACEBOOK: facebook.com/pmdecolombo

Foto: João Senechal/ PMC